Perguntas e respostas

P1. Qual é o problema?

R1. – Nos últimos anos, ocorreram vários acidentes quando crianças pequenas conseguiram aceder a cápsulas de detergente líquido para a roupa. Alguns destes acidentes foram graves e algumas crianças tiveram de ser hospitalizadas para recuperação. As cápsulas de detergente líquido para a roupa são seguras quando utilizadas e guardadas de acordo com as instruções. Contudo, se as crianças tiverem acesso a uma cápsula, poderão ocorrer acidentes devido à exposição ao conteúdo. Esta situação é especialmente preocupante com crianças pequenas que costumam pôr quase tudo o que encontram na boca. É por isso que as cápsulas de detergente líquido para a roupa têm sempre de ser guardadas fora do alcance das crianças, antes e após a sua utilização.

P2. Quais são os possíveis efeitos da ingestão acidental do produto?

R2. – Quando ingerido acidentalmente, o detergente líquido para a roupa irá provavelmente provocar vómitos (a que os médicos chamam de “forte efeito emético”). Dependendo da quantidade ingerida, poderá provocar vários episódios de vómito frequente que por vezes duram várias horas. Podem ocorrer complicações se, durante estes episódios, a criança inalar acidentalmente enquanto vomita, o que poderá requerer tratamento hospitalar. Em caso de ingestão, contacte o centro de informação antivenenos ou procure aconselhamento médico. Se uma criança tiver ingerido detergente e não vomitar, não induza o vómito.

P3. Quais são os possíveis efeitos da exposição acidental ocular ou da pele ao produto?

R3. – A exposição ocular poderá provocar irritação grave. Esta situação pode ser extremamente dolorosa. Por isso, é muito importante lavar os olhos abundantemente com água, durante vários minutos, para remover totalmente o detergente. Nos incidentes reportados até ao momento, não foram observados danos oculares a longo prazo após a exposição às cápsulas de detergente líquido para a roupa. A exposição da pele pode provocar irritação, especialmente quando o detergente permanece em contacto com a pele por um longo período de tempo. Nestes casos, também deverá lavar abundantemente a pele, se necessário. Contacte o centro de informação antivenenos ou procure aconselhamento médico.

P4. Por que motivo as cápsulas provocam estes efeitos nocivos à saúde?

R4. – O detergente líquido no interior das cápsulas para a roupa é altamente concentrado, já que uma única cápsula contém a quantidade total de ingredientes de detergente necessários para uma lavagem. Quando uma criança trinca uma cápsula, a película solúvel em água que contém o detergente pode romper e libertar o respetivo conteúdo. Por ter uma elevada concentração, pode provocar reações fortes, tais como vómitos frequentes ou irritações graves.

P5. Quais são as medidas tomadas pela indústria dos detergentes para impedir estes acidentes?

R5. – Os fabricantes de cápsulas de detergente líquido para a roupa levam muito a sério a segurança dos consumidores. Além de modificações ao produto e embalagem, fornecem conselhos em todas as embalagens através de um autocolante amarelo e de campanhas de comunicação pró-ativas, tais como a iniciativa pan-europeia da A.I.S.E. “Mantenha as cápsulas afastadas das crianças!” iniciativa, incluindo este site multilingue.

Graças ao seu compromisso para com a segurança do consumidor, a indústria dos detergentes europeia implementa continuamente medidas importantes para prevenir os incidentes. Ao mesmo tempo, a indústria salienta que, tal como com qualquer outro detergente, as cápsulas de detergente líquido para a roupa têm de ser guardadas num local seguro antes e após a utilização, já que têm de estar sempre fora do alcance das crianças. A educação contínua do consumidor é essencial para melhorar ainda mais a utilização segura das cápsulas de detergente líquido para a roupa.

A A.I.S.E. A iniciativa “Mantenha as cápsulas afastadas das crianças” é apoiada pela Aliança Europeia para a Segurança Infantil e por mais de 20 parceiros na Europa, incluindo ministérios, centros de informação antivenenos e associações de segurança.